Última hora

Grécia aposta no turismo para ultrapassar crise

Grécia aposta no turismo para ultrapassar crise
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Feira Internacional do Turismo reuniu no mesmo espaço operadores e potenciais clientes.

Os países tentaram mostrar o que têm de melhor. É o que a Grécia procurou fazer, para ultrapassar a crise, já que o setor do turismo representa 18% do PIB.

Foi junto da Grécia que o nosso correspondente em Londres, Ali Sheikholeslami, tentou saber como é que um pequeno negócio sobrevive à crise financeira.

O turismo grego tem mostrado alguma resistência e a ministra grega do setor, Olga Kefalogianni, defende o investimento que está a ser feito: “É importante não só em termos de receitas, mas também em termos de criação de emprego, que é um dos grandes problemas da Grécia. É por isso que nos estamos a focar no turismo. Estamos a focar-nos no investimento no setor”.

A empresa de Panos Paleologos ajuda pequenos hotéis a melhorem o negócio.

O empresário diz ter visto histórias de sucesso durante a crise. Mas melhorar a gestão de recursos é apenas uma chave do sucesso: “Quando há uma crise, os pequenos negócios pouco podem fazer. A única coisa é, enquanto pequeno hotel, oferecer hospitalidade do fundo do coração. É isso que eu e outros proprietários hoteleiros tentamos fazer na Grécia”.

Mas antes é preciso atrair os turistas. A Grécia ainda recebe muitos, mas perdeu o quinto lugar na lista dos destinos mais populares.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.