A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Rússia: O cientista Valentin Danilov foi libertado após cumprir pena por espionagem

Rússia: O cientista Valentin Danilov foi libertado após cumprir pena por espionagem
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O cientista russo Valentin Danilov foi libertado este sábado depois de cumprir oito anos de prisão. Danilov tinha sido condenado a uma pena de 14 anos por espionagem a favor da China. O cientista foi detido em 2001 e admitiu ter vendido informação sobre tecnologia de satélites a Pequim mas que tinha sido desclassificada.

“Tudo o que tenha a ver com a palavra espaço é um segredo do ponto de vista dos nossos serviços secretos. Tudo, até o facto de que a Terra é redonda” – argumentou o físico depois da sua libertação condicional.

O caso de Danilov é visto como um caso de intimidação do mundo académico por parte do Kremlin. A detenção do cientista ocorreu pouco tempo depois da chegada de Vladimir Putin à presidência russa em 2000. O chefe Estado nega qualquer influência sobre os tribunais.