Última hora
This content is not available in your region

Exportações chinesas desaceleram

Exportações chinesas desaceleram
Tamanho do texto Aa Aa

As exportações chinesas aumentaram em novembro mas muito menos do que o previsto.

Em plena época de entrega de bens para o Natal, as vendas ao exterior subiram 2,9%, contra 11,6% em outubro. Os economistas esperavam uma progressão de 9%.

Já as importações mantiveram-se estáveis, a produção industrial (10,1% em termos anuais) e as vendas a retalho (14,9%, em termos anuais) subiram mais do que previsto.

A segunda maior economia do mundo continua assim a ser afetada pela recessão na Europa e Japão e a incerteza nos Estados Unidos.

Apesar de tudo, os economistas esperam uma retoma robusta da economia chinesa no quarto trimestre.