Última hora

Mario Monti já não é primeiro-ministro italiano

Mario Monti já não é primeiro-ministro italiano
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O parlamento italiano aprovou esta tarde o orçamento para dois mil e treze, abrindo à porta à demissão de Mario Monti e à convocação de eleições antecipadas.
 
Monti deverá apresentar, esta noite a demissão, que já foi anunciada, depois do partido de Sílvio Berlusconi ter retirado a confiança ao governo tecnocrata.

Monti assumiu os comandos do país, há um ano, quando os mercados arrastavam a Itália para o centro da crise do euro.
 
Desde então a situação acalmou-se, com Monti a implementar um vasto programa de reformas.
 
A Itália deverá ir às urnas no final de fevereiro e Mario Monti ainda não revelou quais são as suas intenções.
 

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.