Última hora
This content is not available in your region

Países da África Central procuram solução para o conflito da República Centro Africana

Países da África Central procuram solução para o conflito da República Centro Africana
Tamanho do texto Aa Aa

Um contingente suplementar da Força Multinacional da África Central vai ser enviado para a República Centro Africana, para ajudar o governo a conter o avanço dos rebeldes.

A situação preocupa os países da região. Uma missão de mediação da Comunidade Económica dos Estados da África Central, reunida no Gabão, garante que estão a ser preparadas negociações em Libreville, mas não avançou qualquer data.

O chefe da diplomacia gabonesa fala da instalação da MICOPAX – A Missão de Consolidação da Paz na República Centro Africana, para evitar que Bangui, a capital do país, e outras cidades caiam nas mãos dos rebeldes.

As forças armadas desencadearam esta sexta-feira uma ofensiva para retomarem a cidade de Bambari, numa altura que os rebeldes do Séléka estão às portas de Bangui.

O presidente François Bozizé lançou, na quinta-feira, um apelo de ajuda aos Estados Unidos e à França. Paris respondeu abertamente não; Washington evacuou a missão diplomática no país.

A França, antiga potência colonial, enviou, no entanto, mais 150 soldados para Bangui, para proteção dos cidadãos franceses.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.