A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Moody's volta a degradar a nota da dívida do Chipre

Moody's volta a degradar a nota da dívida do Chipre
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A agência Moody’s volta a rever em baixa a nota da dívida do Chipre, pela segunda vez em três meses.

As incertezas sobre a recapitalização do setor bancário do país e sobre a possibilidade de aceder um plano de resgate europeu, levaram a Moody’s a degradar a nota do país para o nível Caa3, com perspetiva negativa, com um risco de incumprimento próximo dos 50%, segundo alguns os analistas.

O Chipre tornou-se, em junho, no quarto país da zona euro a solicitar um resgate da chamada “Troika”. Um pedido até hoje sem resposta, face à falta de solvência do país, quando o pedido de assistência financeira (próximo dos 17 mil milhões de euros) corresponde à quase totalidade da riqueza do país.