A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Mali: França vai triplicar o número de soldados

Mali: França vai triplicar o número de soldados
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A França tenciona triplicar o número de tropas no Mali, apontando para uma força de 2.500 soldados, anunciou esta terça-feira o Ministério da Defesa francês.

Durante uma visita aos Emiratos Árabes Unidos, François Hollande reafirmou o compromisso militar da França para com o Mali e procurou apoio para esta intervenção.

“Perguntam-me o que vamos fazer aos terroristas, se os encontrarmos? Vamos destrui-los. Se possível faremos prisioneiros para que não voltem a fazer mal no futuro. Está em curso uma operação que não é apenas para defender uma linha. Aliás, qual? Não existem fronteiras no interior do Mali”, afirmou o Presidente francês.

Entretanto, a aviação francesa bombardeou hoje a localidade de Diabali, no oeste do Mali controlada pelos rebeldes islamitas.

Enquanto a Organização para a Cooperação Islâmica apela a um cessar-fogo, uma força de vários países africanos mandatada pelas Nações Unidas deverá chegar ao Mali nas próximas 24 horas para ajudar na ofensiva encabeçada pela França contra os rebeldes que ocupam várias cidades malianas.