Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Mali: Forças francesas e malianas entraram em Diabali

Mali: Forças francesas e malianas entraram em Diabali
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

As forças francesas chegaram a Diabali e preparam-se para assumir o controlo da cidade.

A operação começou à uma hora da manhã desta segunda-feira com 40 veículos blindados e de transporte apoiados por helicópteros, a partir de Niono, situada a 50 quilómetros.

A progressão das forças francesas, foi interrompida por paragens sucessivas, dado que no setor de Diabali os rebeldes islamitas estariam
“dissimulados” entre a população.

“É compreensível e dificuldade em assegurar a segurança desta cidade. Existe uma vegetação muito densa, na qual os rebeldes podem estar escondidos e a cidade é bastante grande. Os sapadores já estão no terreno a inspecionar casas que podem ter sido armadilhadas pelos rebeldes no interior de Diabali. A chegada das tropas francesas e malianas não significa que toda a cidade seja
segura”, disse François Chignac.

O ministro francês da Defesa afirmou que o objetivo da intervenção militar da França no Mali é a “reconquista total” daquele país africano.

“É compreensível e dificuldade em assegurar a segurança desta cidade. Existe uma vegetaçâo muito densa, na qual os rebeldes podem estar escondidos e a cidade é bastante grande. Os sapadores já estão no terreno a inspecionar casas que podem ter sido armadilhadas pelos rebeldes no interior de Diabali. A chegada das tropas francesas e malianas não significa que toda a cidade seja
segura.”, disse François Chignac.

O ministro francês da Defesa afirmou que o objetivo da intervenção militar da França no Mali é a “reconquista total” daquele país africano.