Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Enterro de Chokri Belaid marcado pela violência

Enterro de Chokri Belaid marcado pela violência
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Tunísia viveu hoje uma greve geral convocada por sindicatos e partidos, no dia em que foi a enterrar o líder da esquerda Chokri Belaid, cujo assassinato parece comprometer os esforços da revolução.

Belaid, anti-islamita e figura mediática desde a revolução de 2011, foi morto a tiro na quarta-feira.

A paralisação foi convocada pela União Geral Tunisina do Trabalho e por partidos políticos e milhares de pessoas responderam ao apelo.

O dia ficou no entanto marcado pela violência. Em torno do cemitério em Túnis, foram registados novos confrontos entre manifestantes e polícia, que lançou bombas de gás lacrimogéneo e chegou a disparar para o ar para dispersar um grupo de jovens.