A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Líderes europeus encolhem orçamento da UE

Líderes europeus encolhem orçamento da UE
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Foi uma maratona de mais de 24 horas de negociações, mas no final saiu um acordo para o orçamento da União Europeia de 2014/2020. Em Bruxelas, os chefes de Estado e de governo estavam divididos sobre o montante do quadro financeiro plurianual.

O compromisso foi anunciado pelo presidente do Conselho Europeu. “Este é um orçamento de moderação. Simplesmente não podemos ignorar as realidades económicas difíceis na Europa. Por isso teve de ser um orçamento mais reduzido. Pela primeira vez existe um corte real quando comparado com o orçamento anterior”, disse Herman Van Rompuy.

De um lado estavam os Estados membros, apoiados pela comissão e o parlamento europeu que defendiam um orçamento superior a um milhão de milhões de euros. Do outro, países como o Reino Unido e grandes contribuintes que defendiam uma redução.

O Parlamento tem agora a palavra final.