Última hora
This content is not available in your region

De Wilders causa alvoroço na Austrália

De Wilders causa alvoroço na Austrália
Tamanho do texto Aa Aa

Cenas de violência antes do discurso “anti-islão” do líder da extrema-direita holandesa Geert de Wilders em Melbourne na Austrália. Um grupo de cerca de 40 manifestantes protestou e tentou impedir pessoas de entrarem no evento. Apesar das cenas menos pacíficas, uma manifestante explicou que o protesto é pacífico e que o fizeram para mostrar a oposição à “islamofobia” e a tudo o que pessoas como Geert de Wilders representam.

No interior, De Wilders discursou sem grandes problemas. “Estou aqui na Austrália para vos avisar sobre a verdadeira natureza do Islão. Não é apenas uma religião como erradamente muitas pessoas pensam. É em primeiro lugar uma ideologia totalitária e perigosa”, declarou De Wilders que recebeu uma ovação de pé para Geert de Wilders do Partido da Liberdade, que detém 15 assentos no parlamento holandês.

Devido aos protestos e o mau estar gerado, o discurso de De Wilders agendado para Perth foi cancelado.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.