A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Reino Unido: Mercado laboral melhora

Reino Unido: Mercado laboral melhora
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Há quatro décadas que o Reino Unido não tinha tanta gente a trabalhar.

No final de 2012, o país tinha quase 30 milhões de pessoas ativas e em janeiro, segundo o gabinete britânico de estatística, houve uma queda superior ao previsto no número de desempregados. Houve menos 12 500 pedidos de subsídios de desemprego. Os analistas esperam apenas 5 mil.

O número de desempregados ronda os 2,5 milhões, o que equivale a uma taxa de 7,8%.

Os números mostram a resistência do mercado laboral, apesar da estagnação da economia, e são benéficos ao governo, criticado pela sua política de austeridade.