A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Nigéria: perto de 200 mortos em confrontos entre islamitas e soldados

Nigéria: perto de 200 mortos em confrontos entre islamitas e soldados
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Perto de duzentas pessoas perderam a vida em violentos confrontos entre islamitas e militares na aldeia de Baga, no extremo nordeste da Nigéria. Segundo a Cruz Vermelha, mais de 300 casas – cerca de metade da localidade – foram destruídas.

Os confrontos tiveram lugar na região do país que serve de base ao grupo islamita Boko Haram, responsável por ataques sangrentos no norte e centro do país desde 2009, nomeadamente um atentado suicida contra a sede das Nações Unidas em Abuja.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, condenou a violência e apelou ao respeito dos Direitos Humanos e à proteção da população civil.

Baga está localizada a cerca de 150 quilómetros de Maiduguri, cidade considerada como o bastião do Boko Haram. Segundo vários testemunhos, a repressão do Exército contra militantes do grupo extremista na cidade terá levado muitos a dispersarem-se por todo o Estado de Borno.