A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Seis desaparecidos no porto de Génova

Seis desaparecidos no porto de Génova
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Três mortos e quatros feridos. É o balanço provisório da colisão de um navio de carga com uma torre de controlo do porto de Génova, na última noite, no noroeste de Itália.

Seis pessoas estão, ainda, dadas como desaparecidas. A pronta resposta das equipas de socorro permitiu resgatar nove pessoas da água. Os médicos garantem que os feridos não correm risco de vida.

“Os feridos apresentam como principais lesões, fraturas e traumatismos torácicos e estão a ser assistidos nos hospitais de Génova” afirma um médico.

“As probabilidades dos desaparecidos se encontrarem debaixo dos destroços são reduzidas. O mais certo é que tenham caído à água” refere um elemento das equipas de resgate.

A torre com cerca de 50 metros de altura acabou por desabar face à violência do embate.

Na origem do acidente terá estado um problema técnico nos motores do cargueiro que fazia a ligação entre Génova e Messine, na Sicília.

Em curso está já um inquérito.