A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Nova série de ataques no Iraque

Nova série de ataques no Iraque
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A violência entre sunitas e xiitas no Iraque não pára de aumentar e os atentados sangrentos acontecem em todo o país.
Esta segunda-feira à noite, na cidade de Hillah, no sul do Iraque, um ataque com um carro armadilhado junto duas mesquita matou 13 pessoas e feriu mais de 70.
No norte do país também ocorreram vários atentados.

No centro da cidade de Al Tuz, pelo menos três pessoas morreram e outras 43 ficaram feridas, vítimas da explosão de dois carros-bomba.
Em Kirkouk, dois vendedores foram mortos num mercado. Um morador da cidade acredita que “não é feita qualquer distinção entre árabes, curdos ou do Turquemenistão nos mercados. Este é o destino dos iraquianos. Não queremos mais terças-feiras sangrentas ou quartas-feiras sangrentas, mas o Iraque está a sangrar de norte a sul”.
Abril foi mês mais sangrento no Iraque em quase cinco anos, com mais de 700 mortes…e maio segue a mesma tendência.