Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Mineiros sul-africanos em greve a vários metros de profundidade

Mineiros sul-africanos em greve a vários metros de profundidade
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Há uma nova greve numa mina de platina na África do Sul. Cerca de 4000 trabalhadores paralisaram, esta sexta-feira, no norte do país, em sinal de protesto contra a suspensão de cinco representantes sindicais.

Um protesto a vários metros de profundidade e sem data para terminar. A paralisação está a inquietar o governo sul-africano. Na memória está, ainda, bem presente o massacre na mina de Marikana, no noroeste do país, em 2012. Na altura, a polícia abateu a tiro mais de três dezenas de trabalhadores.

O preço da platina nos mercados mundiais disparou e a capacidade dos líderes políticos foi posta em causa. Uma situação que o governo sul-africano quer, agora evitar.