Última hora
This content is not available in your region

Rebeldes sírios reivindicam morte de combatentes xiitas libaneses

Rebeldes sírios reivindicam morte de combatentes xiitas libaneses
Tamanho do texto Aa Aa

O conflito na Síria continua a alastrar-se ao vizinho Líbano. Um grupo de rebeldes sírios reivindicou num vídeo a morte de quatro xiitas libaneses, que acusa de pertencerem ao Hezbollah. O movimento xiita libanês combate atualmente ao lado das forças do regime sírio.

A autodenominada “Unidade dos Mujahedines Sírios” diz ter abatido os quatro homens quando tentavam entrar na Síria, pelo vale de Bekaa.

Esta terça-feira, a cidade de Sidon, no sul do Líbano, foi palco de confrontos entre militantes que apoiam ambos os lados do conflito sírio. O incidente – que opôs apoiantes do clérigo sunita Ahmad al-Assir e militantes do Hezbollah – saldou-se em pelo menos um morto e quatro feridos.

A cidade de Tripoli, no norte do país, tem sido regularmente palco de confrontos relacionados com a situação na Síria, resultando em dezenas de mortos.

Beirute acusou o regime de Bashar Al-Assad de conduzir uma “limpeza étnica”, empurrando para o Líbano mais de meio milhão de refugiados, na maioria sunitas.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.