Última hora
This content is not available in your region

Tribunal confirma prisão perpétua para "Chacal"

Tribunal confirma prisão perpétua para "Chacal"
Tamanho do texto Aa Aa

Ilich Ramirez Sánchez, celebrizado como Carlos o Chacal, foi condenado, esta quarta-feira, em segunda instância à pena de prisão perpétua, pela jutsiça francesa.

A primeira sentença data de Dezembro de 2011.

Os tribunais consideraram-no autor moral de quatro atentados terroristas, que causaram 11 mortos.

Os atentados ocorreram nos anos de 82 e 83. Com eles, Chacal pretendia retaliar a prisão, pelas autoridades francesas, em 1982, da sua então mulher, Magdalena Kopp.

No mesmo processo foi julgada à revelia, e absolvida a sua cúmplice alemã, Christa Frohlich.

Chacal é de nacionalidade venuzuelana, conta 63 anos de idade.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.