Última hora
This content is not available in your region

Crise europeia afunda exportações alemãs

Crise europeia afunda exportações alemãs
Tamanho do texto Aa Aa

As exportações alemãs registaram, no mês de maio, a maior queda desde 2009 devido à quebra da procura na China e à recessão que afeta a zona euro. De acordo com o Gabinete Federal de Estatísticas, as exportações recuaram 2,4 por cento enquanto as importações cresceram 1,7 por cento. 40 por cento dos bens exportados pela Alemanha destinam-se à zona euro, onde a procura recuou 9,6 por cento.

A economia alemã resistiu à crise do euro nos seus primeiros anos mas no último trimestre de 2012 acabou por registar um recuo de 0,7 por cento. A recuperação nos primeiros três meses de 2013 não foi além dos 0,1 por cento. A Alemanha continua a ser o motor da zona euro, mas agora ao ralenti.