Última hora

Alemã Loewe pede proteção de credores

Alemã Loewe pede proteção de credores
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O fabricante alemão de televisores Loewe pediu a proteção de credores, durante três meses, ao tribunal de Coburg. Este procedimento é diferente de uma falência porque permite à companhia continuar a operar normalmente, sem a presença de um administrador judicial. O construtor de aparelhos topo de gama viu o volume de vendas recuar nos últimos cinco anos devido à concorrência asiática e à crise na Europa. No ano passado a Loewe registou perdas de 29 milhões de euros. A empresa, que emprega um milhar de pessoas, prevê cortar 200 postos de trabalho.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.