Última hora
This content is not available in your region

Caxemira vive segundo dia de protestos

Caxemira vive segundo dia de protestos
Tamanho do texto Aa Aa

Em Caxemira, os protestos voltaram à rua, um dia depois das manifestações violentas em que a polícia disparou sobre um grupo de manifestantes e matou pelo menos seis pessoas.

A polícia indiana diz que foi obrigada a abrir fogo, quando um grupo de manifestantes tentava forçar a entrada num depósito de armas.

Este é o segundo dia de manifestações nesta zona separatista, de maioria muçulmana. Protestam contra o que dizem ser o desrespeito do Alcorão por parte das autoridades da Índia. Tudo começou quando um grupo de membros da segurança de fronteiras entrou numa escola islâmica, à procura de rebeldes, enquanto o imã recitavas as orações do Ramadão.

Os problemas da Índia com a região separatista de Caxemira duram há várias décadas, mas têm vindo a acalmar nos últimos anos.