A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Francisco regressou ao Santuário de Aparecida onde Bergoglio se consagrou

Francisco regressou ao Santuário de Aparecida onde Bergoglio se consagrou
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

À chuva e ao frio, cerca de 200 mil pessoas encheram o Santuário de Nossa Senhora da Aparecida para assistir à primeira missa do Papa Francisco fora de Itália.

A Basílica de Nossa Senhora da Aparecida tem um significado especial para Jorge Mario Bergoglio: Foi aqui que, em 2007 – aquando da visita do Papa Bento XVI – consolidou o estatuto de líder da Igreja Católica na América Latina. O então arcebispo de Buenos Aires proferiu um discurso em que defendeu o regresso aos valores cristãos da humildade e da caridade, os mesmos que têm marcado os primeiros meses do seu pontificado.

Na missa desta quarta-feira, o Papa denunciou os “ídolos passageiros” – como o dinheiro e o poder – e pediu aos católicos que sejam “alegres, nunca tristes”.

Por causa do mau tempo, o primeiro Sumo Pontífice latino-americano teve de trocar o helicóptero pelo avião em grande parte dos 260 km que separam o Rio de Janeiro do maior santuário mariano do Brasil e do hemisfério Sul.

O próximo ponto alto da visita ao maior país católico do mundo é o aguardado discurso desta quinta-feira à noite, na praia de Copacabana, no quadro das Jornadas Mundiais da Juventude.