A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Chamas consomem norte e centro de Portugal

Chamas consomem norte e centro de Portugal
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O cenário de desolação no norte e centro do país mantém-se.

De acordo com a Proteção Cívil ardem em Portugal quase três dezenas de incêndios, que estão a ser combatidos por 1400 homens.

Os distritos a arder são Bragança, Braga, Vila Real, Porto, Guarda, Viseu e Coimbra.

O incêndio mais intenso é o da Serra do Caramulo, onde estão mobilizados 139 veículos, 4 aviões e mais de 450 bombeiros.

Há várias aldeias ameaçadas e populações que já perderam tudo:
“Tinha uma vinha que me dava uma pipa de vinho, já foi. Tinha vinho para todo o ano, já foi. Vinha, mata, já foi tudo,” afirma um residente da região.

Os números são assutadores. Portugal registou já este ano mais de três mil incêndios, 1900 só nos últimos 15 dias.