A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Antigo dirigente do PCC promete limpar nome

Antigo dirigente do PCC promete limpar nome
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Escapou à pena de morte, mas vai passar o resto da vida na prisão. Bo Xilai, antigo responsável do Partido Comunista Chinês (PCC) está preso desde março de 2012.

A justiça deu, agora, como provadas as acusações de abuso de poder, desvio de fundos e de corrupção contra o protagonista do maior escândalo político dos últimos anos na China.

O antigo dirigente da região de Chongqing reclama inocência e promete limpar o nome.

Perante o coletivo de juízes agradeceu a oportunidade dada para se pronunciar e a forma como os magistrados conduziram o julgamento.

A justiça decidiu, ainda, confiscar os bens pessoais de Xilai, o mais alto dirigente chinês a ser condenado por corrupção desde a chegada ao poder de Xi Jinping, em novembro de 2012.