A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

BCE mantém taxa de referência nos 0,5 por cento

BCE mantém taxa de referência nos 0,5 por cento
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A taxa mínima de referência mantém-se inalterada nos 0,5 por cento, tal como era previsto. O anúncio, em comunicado, resultou da reunião mensal do Banco Central Europeu, que esta quarta-feira se realizou em Paris e não em Frankfurt como habitual.

O Conselho de Governadores do BCE decidiu esperar para que a lenta recuperação económica a que se assiste na Europa, com vários países a sair da situação de recessão, ajude a consolidar um pouco mais a Zona Euro.

O presidente do BCE tem vindo, aliás, a defender que se deve evitar qualquer subida das taxas de juro no atual cenário. Mario Draghi, que fala ainda esta tarde sobre as conclusões da presente reunião, tem vindo, aliás, a alertar para os baixos níveis da taxa de inflação e para as dificuldades do crédito chegar às empresa e às famílias.