Última hora
This content is not available in your region

Equador autoriza exploração da reserva natural Yasuni

Equador autoriza exploração da reserva natural Yasuni
Tamanho do texto Aa Aa

Após um debate de dez horas, a Assembleia do Equador aprovou a extração de petróleo da reserva natural Yasuni que ocupa parte da Amazónia.

O voto coloca um ponto final no plano do Presidente Rafael Correa de fazer a comunidade internacional pagar para evitar a exploração deste local único ao nível da biodiversidade.

Correa pretendia angariar apoios no valor de 3,6 mil milhões de dólares a fim de evitar a exploração petrolífera. O valor conseguido situou-se muito aquém do pretendido.

O voto desta quinta-feira autoriza a exploração de dois blocos sob condição de minimizar o impacto ambiental e a interferência com as tribos locais.

Estima-se que as reservas petrolíferas destes blocos alcancem os 800 milhões de barris de crude com rendimentos potenciais estimados em 22 mil milhões de dólares.

Segundo o presidente, é fundamental explorar estes recursos a fim investir na erradicação da pobreza.