Governo britânico assina acordo para a construção de dois reatores nucleares

Governo britânico assina acordo para a construção de dois reatores nucleares
Tamanho do texto Aa Aa

Está concluído o acordo que vai permitir a construção de mais dois reatores nucleares no Reino Unido.

O acordo, anunciado esta segunda-feira, foi firmado entre o grupo energético francês EDF e o governo britânico e prevê a entrada em funcionamento da nova central nuclear em 2023.

O projeto, que está previsto para o sítio de Hinkley Point, no Somerset, no sudoeste de Inglaterra está orçado em 16 mil milhões de libras, cerca de 19 mil milhões de euros.

A EDF assume 45 a 50% do projeto; 30 a 40% serão assumidos por duas empresas chinesas e a francesa Areva, que vai construir os reatores, participa no investimento a 10%.

Mas a implantação da central em Hinkley Point não é pacífica. Desde que o projeto foi anunciado, há dois anos, os ativistas anti-nuclear têm repetido os protestos.