Última hora

Médico de Michael Jackson foi libertado

Médico de Michael Jackson foi libertado
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Cumprida parte da pena, Conrad Murray, médico de Michael Jackson, foi libertado. Condenado por homicídio involuntário da estrela pop, o cardiologista de 60 anos beneficiou da sobrelotação das prisões norte-americanas e do bom comportamento verificado no período da sua reclusão.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.