A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Caroline Kennedy apresenta credenciais ao imperador Akihito do Japão

Caroline Kennedy apresenta credenciais ao imperador Akihito do Japão
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Foi entre aplausos e num ambiente de conto de fadas que Caroline Kennedy se dirigiu ao Palácio Imperial de Tóquio.

A filha de John Fitzgerald Kennedy apresentou ao imperador Akihito, as credenciais assinadas por Barack Obama, um gesto protocolar que garante o estatuto da nova diplomata.

Caroline Kennedy assumiu, sexta-feira, o cargo de embaixadora dos Estados Unidos no Japão – poucos dias antes do 50.° aniversário do assassinato do seu pai.

Aos 55 anos, Caroline Kennedy é a primeira mulher a ocupar o posto. A sua nomeação para o cargo foi bem recebida, embora alguns analistas se interroguem sobre a sua falta de experiência diplomática – sobretudo num momento de tensão entre o Japão e a China.

A nova embaixadora tem como objetivo reforçar os laços entre Washington e Tóquio, numa altura em que os Estados Unidos procuram aumentar a presença na Ásia, graças, nomeadamente, a um ambicioso pacto de livre comércio.