Última hora

Última hora

Casal de Londres viveu em comunidade com mulheres sequestradas

Em leitura:

Casal de Londres viveu em comunidade com mulheres sequestradas

Casal de Londres viveu em comunidade com mulheres sequestradas
Tamanho do texto Aa Aa

A polícia e a imprensa começam a levantar o véu sobre a história das três mulheres sequestradas durante 30 anos numa casa em Londres.

O casal autor do sequestro é constituído por dois militantes maoistas, ativos nos anos 70, altura em que chegaram a ser presos. O casal terá constituído uma comunidade com as três mulheres, que acabaram por ficar reféns.

Paddy Presley, um dos vizinhos, há muito que notava um comportamento suspeito: “Quando iam às compras, estavam sempre com pressa, nunca falavam com ninguém. Dava para ver que havia ali qualquer coisa que não batia certo”.

Os jornais começaram a revelar outros pormenores, como as mais de 500 cartas que a mais jovem das três mulheres escreveu ao vizinho, que não denunciou o caso às autoridades.

O caso foi descoberto há quatro semanas, mas só há poucos dias a polícia londrina o revelou, depois da prisão do casal.