A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Governo tailandês apela ao diálogo

Governo tailandês apela ao diálogo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A ocupação de edifícios público na Tailândia está longe de ter chegado ao fim

A primeira-ministra da Tailândia, Yingluck Shinawatra, lançou um apelo para que os ministérios sejam desocupados pelos manifestantes em Banguecoque para que possam começar um diálogo.

A chefe de Governo convocou reunião de emergência para avaliar como seu gabinete pode conduzir as atividade governativa.

“Se somos bem sucedidos ou não, não é o ponto mais importante. O que é importante é que as pessoas no país vieram desta vez para se fazerem ouvir e simbolicamente mostrar que querem mudanças”.

Milhares de manifestantes montaram um cordão humano em torno de prédios próximos, como os ministérios da Indústria, do Comércio e do Trabalho.

A base dos protestos na capital tailandesa tem sido o Monumento da Democracia, no centro da cidade.

A ocupação dos prédios públicos tem sido liderada pelo antigo vice-primeiro-ministro Suthep Thaugsuban, contra quem há ordem de prisão expedida.