Última hora
This content is not available in your region

Berlusconi promete continuar na política

Berlusconi promete continuar na política
Tamanho do texto Aa Aa

Mesmo destituído do Senado, Silvio Berlusconi promete não baixar os braços e continuar na vida política.

O ex-primeiro-ministro italiano foi expulso do Senado, depois da condenação por fraude fiscal. Este foi um culminar de uma série de escândalos que puseram Berlusconi nas bocas do mundo. Mas a verdade é que nada, até agora, conseguiu deitar abaixo “Il Cavaliere”.

“Temos que continuar no terreno. Não desesperem se o líder da extrema-direita já não é senador. Há líderes de outros partidos que também não estão no parlamento”, disse Berlusconi, num comício do partido Forza Italia, horas depois da decisão de o afastar ter sido votada.

A expulsão de Berlusconi foi decidida com os votos do centro-esquerda e também do Movimento Cinco Estrelas, fundado pelo comediante Beppe Grillo. Maurizio Buccarella é um dos senadores do movimento: “No Senado, mesmo nós, que votámos a favor da expulsão, sentimos que era um momento triste para o homem, mas a verdade é que ele está a colher os frutos do que semeou. Foi um momento triste para a Itália, porque devia ter acontecido há já muitos anos”, disse.

Ao deixar o Senado, Berlusconi perde a imunidade parlamentar, o que faz com que possa vir a ser condenado noutros casos, por corrupção ou ainda por sexo com menores, no famoso caso “Rubygate”.