Última hora

Última hora

EUA: Investigadores tentam apurar causas de acidente ferroviário

Em leitura:

EUA: Investigadores tentam apurar causas de acidente ferroviário

EUA: Investigadores tentam apurar causas de acidente ferroviário
Tamanho do texto Aa Aa

As carruagens do comboio que descarrilou este domingo perto do Bronx, em que pelo menos 4 pessoas morreram e outras 60 ficaram feridas, vão começar a ser removidas, mas o tráfego, esta segunda-feira de manhã, ainda deverá estar com perturbações.

O “Metro-North” fazia a ligação de Poughkeepsie à Grand Central Station, em Nova Iorque, quando várias carruagens descarrilaram junto ao rio Hudson.

Uma senhora afirmou que “o comboio ia com alguma velocidade quando a carruagem começou a inclinar-se para a esquerda e depois caiu para a direita. Na confusão, olhei para os meus dois amigos e comecei a gritar que estávamos num acidente. Nem queria acreditar, estava em choque”, concluiu.

Uma equipa de investigadores está a recolher todos os elementos para apurar com rigor o que esteve na origem do acidente.

O maquinista afirma ter sido obrigado a acionar os travões de emergência por causa da velocidade.

As autoridades ainda não avançaram com qualquer explicação sobre as causas.