Última hora
This content is not available in your region

Mais violência no Egito

Mais violência no Egito
Tamanho do texto Aa Aa

Explosão abala edifício militar no delta do Nilo.

Trata-se da segunda vez no espaço de uma semana que uma explosão atinge um alvo militar no Egito.

A explosão destruiu parcialmente as traseiras do edifício ferindo quatro soldados.

Na terça-feira, um ataque suicida contra uma esquadra da polícia na mesma região matou 16 pessoas.

No Cairo a violência entre estudantes e polícia continua.

A polícia recorreu a gás lacrimogéneo e balas de borracha para dispersar estudantes na universidade de Al-Azhar.

Os estudantes manifestavam-se em apoio à Irmandade Muçulmana, movimento recentemente declarado pelo governo como “organização terrorista”.

Os distúrbios provocaram a morte de pelo menos um estudante; registaram-se mais de uma centena de detenções.

A universidade de Al-Azhar é um dos principais focos de apoio ao presidente deposto Mohammed Morsi.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.