A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Olimpia nega rescisão de contrato com Sebastián Arosa por causa de cancro

Olimpia nega rescisão de contrato com Sebastián Arosa por causa de cancro
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um cancro terá motivado a polémica rescisão do contrato do uruguaio Sebastián Arosa. O jogador diz que a decisão do Olimpia do Paraguai lhe foi comunicada por telegrama.

Arosa está afastado do futebol para tratar o mediastino, a parte do tórax entre o esterno e a coluna vertebral.

Na resposta, o clube diz que o contrato está apenas suspenso. O dirigente Raúl Pintos acrescenta que a doença não foi contraída no exercício das funções e que não tem capacidade para suportar os cerca de 15 mil euros mensais que o jogador aufere.

O caso ainda promete fazer correr muita tinta e ao que tudo indica vai ser levado à FIFA.