Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Ucrânia: Deputados de extrema-direita agridem presidente da televisão pública

Ucrânia: Deputados de extrema-direita agridem presidente da televisão pública
Tamanho do texto Aa Aa

O presidente interino da televisão pública ucraniana foi agredido e obrigado a assinar a demissão no seu próprio gabinete por deputados de extrema-direita em Kiev.

Aconteceu na terça-feira, quando deputados do partido Svoboda entraram nas instalações da NTKU e acusaram Alexander Panteleymonov de difundir em direto a cerimónia de assinatura do tratado de adesão da Crimeia à Federação russa.

O presidente Alexander Panteleymonov, aqui a ser agredido, entrou no canal como diretor de informação com a subida ao poder do antigo presidente Viktor Ianukovich.

Quanto ao partido de extrema-direita Svoboda, além de deputados no parlamento, conseguiu colocar ministros no novo governo saído da chamada revolução e viu um dos seus membros subir ao cargo de Procurador-Geral da república.