Última hora
This content is not available in your region

Acusações de fraude ensombram municipais na Turquia

Acusações de fraude ensombram municipais na Turquia
Tamanho do texto Aa Aa

As acusações de fraude estão a marcar as eleições municipais turcas.

Os números oficiais apontam para a vitória do AKP, no poder, com cerca de 46 por cento dos votos.

A oposição diz que o escrutínio foi alvo de ataques informáticos e estranha os cortes de energia durante a jornada eleitoral e a contagem dos votos

“Era evidente que o partido do primeiro-ministro ia perder votos, mas não as eleições. Os resultados não me surpreendem” refere um apoiante do AKP.

O CHP, Partido Republicano do Povo, na oposição, reclama vitória na câmara de Ancara e pede uma recontagem dos votos, nesta e noutras cidades.

“O principal partido da oposição só não conseguiu mais votos porque não tem dinheiro. Erdogan tem poder porque anda a distribuir dinheiro. É, por isso, que ganha” refere um turco.

O CHP – o segundo mais votado – terá conquistado 28 por cento dos votos nas municipais deste domingo. Resultados que segundo o analista, Murat Somer, legitimam as políticas de Recep Tayyip Erdogan.

“Penso que o primeiro-ministro vai interpretar os resultados como uma luz verde dada às políticas autoritárias e ao discurso nacionalista e religioso que tem vindo a seguir. Pelo menos é com essa ideia que ficamos depois de ouvir o discurso de vitória.”

A braços com um escândalo de corrupção, a popularidade de Erdogan já conheceu melhores dias, mas para o primeiro-ministro o que conta são os resultados.