Última hora
This content is not available in your region

Viver 13 dias dentro de um urso

Viver 13 dias dentro de um urso
Tamanho do texto Aa Aa

Um artista francês decidiu passar treze dias e treze noites dentro de um urso embalsamado.

A experiência artística de Abraham Poincheval desenrola-se no museu da caça e da natureza em Paris.

Para ajudá-lo a passar o tempo, pede-se aos visitantes que conversem um pouco com ele.

“Sinto que pouco a pouco entro na hibernação do urso, a vida é muito mais lenta e durmo muito”, explicou Abraham Poincheval.

A estadia do artista foi planeada ao detalhe para que ele não precise de abandonar o urso durante os treze dias de estadia.

“O urso inclui uma sanita na perna do animal. Espero que funcione porque senão vamos ter problemas já que a ideia é ficar treze dias”, afirmou Claude d’Anthenaise, diretor do museu.

O artista optou por uma dieta alimentar próxima da de um urso.

A experiência tem atraído numerosos visitantes, miúdos e graúdos, mas são poucos os que gostariam de passar pelo mesmo.

É bastante tempo ficar lá dentro treze dias e comer minhocas e besouros, coisas horríveis, deve ser estranho”, confessou Nicolas, um visitante.

A experiência é transmitida em directo no sítio do museu da Caça e da Natureza, na Internet.

http://poincheval.chassenature.org/