Última hora
This content is not available in your region

Leste da Ucrânia prepara referendo sobre Estado federal

Leste da Ucrânia prepara referendo sobre Estado federal
Tamanho do texto Aa Aa

A situação no leste da Ucrânia não parece acalmar – apesar do acordo diplomático alcançado a semana passada, em Genebra, com vista à “desescalada” da tensão.

Em Luhansk, segundo os média russos, os manifestantes pró-russos preparam as questões para o referendo que preveem organizar a 11 de maio, entre elas, a questão da língua russa e o estabelecimento de um Estado federal.

“Não apoiamos o atual governo de Kiev porque tomou o poder pela força e está agora a ditar as suas leis. Segundo a constituição ucraniana, é o povo que elege o governo”, explica, encapuzado, um ativista.

A situação mantém-se extremamente tensa em cidades como Luhansk, mas também Sloviansk e Donetsk, onde os edifícios oficiais continuam sob controlo de grupos pró-russos.

Depois do tiroteio da véspera, que provocou pelo menos, três mortos, segundo Kiev, e cinco, segundo os separatistas, a situação estava aparentemente calma, esta segunda-feira, em Sloviansk.

Manifestantes e população aproveitam uma pequena pausa, entre as barricadas, para saborear os típicos bolos de Páscoa.

Em Donetsk, a pausa é, sobretudo, musical. O pianista alemão Davide Martello instalou o seu instrumento no centro da cidade e deu um concerto ao ar livre a quem o quisesse ouvir.

Martello, que tinha feito a mesma coisa na Turquia, durante as manifestações da praça Taksim, espera acalmar os ânimos com a sua música.