Última hora
This content is not available in your region

Confrontos no Rio de Janeiro após enterro de bailarino

Confrontos no Rio de Janeiro após enterro de bailarino
Tamanho do texto Aa Aa

Terminou em confrontos a marcha de protesto contra a morte de um bailarino numa favela do Rio de Janeiro.

O mal-estar entre moradores de Copacabana – um dos bairros mais turísticos da cidade – e a polícia instalou-se após o enterro Douglas Pereira de 25 anos, alegadamente, morto pela polícia no início da semana.

O bailarino terá sido confundido com um traficante de droga.

A mãe acredita que Douglas foi torturado.

Dezenas de brasileiros desfilaram entre a favela e o cemitério onde o jovem foi sepultado. Uma marcha que serviu para denunciar a violência policial, o processo de ocupação das favelas por parte das forças da ordem e o Mundial de Futebol que arranca a 12 de junho.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.