Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Habitante de Slaviansk: "se não nos defendermos ninguém o vai fazer por nós"

Habitante de Slaviansk: "se não nos defendermos ninguém o vai fazer por nós"
Tamanho do texto Aa Aa

O ataque é a melhor defesa. Que o digam os habitantes de Slaviansk, no leste da Ucrânia, que apoiam a integração na Federação Russa.

Contestam a legitimidade das novas autoridades de Kiev e consideram ter sido abandonados à própria sorte.

“Vivemos aqui e ninguém nos veio ajudar. Se não nos defendermos ninguém o vai fazer por nós” refere um habitante de Slaviansk

Uma mulher adianta: “aqui não há tropas russas como dizem os ucranianos. Estas são as nossas casas, as nossas vidas, a nossa cidade.”

Kiev apresenta outra versão. Garante que no leste da Ucrânia estão não só militares russos mas, também, mercenários ao serviço de Moscovo.