Última hora
This content is not available in your region

Síndrome Respiratória do Médio Oriente chega aos EUA

Síndrome Respiratória do Médio Oriente chega aos EUA
Tamanho do texto Aa Aa

O novo coronavírus já chegou aos Estados Unidos.

As autoridades confirmaram um caso de infeção por este novo vírus num paciente recém-chegado da Arábia Saudita.

A Síndrome Respiratória do Médio Oriente afeta, como o nome indica, sobretudo, os países dos Médio Oriente. Tosse, febre e dificuldades respiratórias são os principais sintomas de uma doença que desde 2012 já provocou mais de 100 mortos.

“Temos feito campanhas de sensibilização nas escolas e nas universidades devido à elevada concentração de pessoas. Recordo que até agora não existe uma vacina ou antibiótico para tratar a doença” refere Hussain Abdul Rhaman Al Rand, porta-voz do responsável pela Saúde dos Emirados Árabes Unidos.

Os investigadores admitem que dromedários possam ser os hospedeiros do vírus.

Em apenas dois anos, a Organização Mundial da Saúde registou mais de 300 casos, alguns na Europa em pessoas que tinham viajado para o Médio Oriente.

Euronews: “De um lado, os Ministérios da Saúde dos países do Golfo garantem que a situação está sob controlo, mas é importante não esquecer o peso do setor turístico e o perigo de contaminação. Já a Organização Mundial da Saúde não esconde a inquietude com a dimensão do problema.”