A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Tropas francesas repelem ataque na República Centro Africana

Tropas francesas repelem ataque na República Centro Africana
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Confrontos intensos registados na região noroeste da República Centro Africana culminaram na morte de vários rebeldes.

Esta segunda-feira, soldados da operação francesa “Sangaris” reagiram ao ataque de um grupo de cerca de 40 homens armados não identificados.

A coluna de rebeldes estava equipada com motas e jipes, mas acabou por esbarrar numa resposta contundente por parte das forças gaulesas. Alguns rebeldes conseguiram escapar. Outros ficaram feridos.

A crise humanitária na República Centro Africana adensa-se com a escassez de alimentos. Quase um milhão de pessoas, um quarto da população, abandonou as respetivas casas.

A organização Médicos sem Fronteiras anunciou a redução temporária da atividade, mantendo, no entanto, o serviço de emergência.

Uma decisão tomada na sequência de um ataque a um hospital em Nanga Boguila, onde morreram pelo menos 22 pessoas, incluindo três colaboradores humanitários da organização.