Última hora
This content is not available in your region

Ucrânia recebe 2,3 mil milhões de euros do FMI

Ucrânia recebe 2,3 mil milhões de euros do FMI
Tamanho do texto Aa Aa

O Banco Central da Ucrânia confirma ter recebido a primeira fatia da ajuda do Fundo Monetário Internacional (FMI). Trata-se de 2,3 mil milhões de euros de um programa de assistência de dois anos e no valor de 17 mil milhões de dólares, o equivalente a 12,2 mil milhões de euros.

A maioria do montante recebido, 1,6 mil milhões de euros, servirá para a cobrir o défice orçamental e o restante para constituir reservas cambiais.

A entrega das próximas fatias fica dependente das avaliações e da aplicação de reformas económicas, incluindo o aumento dos preços da energia.

Após a queda do regime de Viktor Ianukovich, Kiev estimou que precisaria de 25 mil milhões de dólares para evitar a bancarrota.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.