Última hora
This content is not available in your region

Joseph Pérez distinguido nos Prémios Príncipe das Astúrias

Joseph Pérez distinguido nos Prémios Príncipe das Astúrias
Tamanho do texto Aa Aa

A categoria das Ciências Sociais esteve hoje em destaque numa cerimónia dos Prémios Príncipe das Astúrias, na cidade espanhola de Oviedo. O galardão distinguiu, este ano, Joseph Pérez, um professor universitário francês, dedicado sobretudo à História de Espanha e da América do Sul.

O presidente do júri, Aurelio Menéndez Menéndez, salientou que o trabalho de Pérez representa nada menos do que “uma revolução na forma de interpretar episódios fulcrais para a compreensão da História do Ocidente e da independência da América Latina.”

Pérez nasceu em 1931. Diretor da Casa de Velázquez entre 1989 e 1996, professor emérito na Universidade de Michel Montaigne, em Bordéus, fundou, nesta mesma cidade, a “Casa dos Países Ibéricos”. Entre a sua extensa lista de obras, encontram-se trabalhos centrados nos reis católicos Fernando e Isabel, em Filipe II de Espanha e ainda na génese dos movimentos independentistas sul-americanos.