Última hora
This content is not available in your region

Gregos vão às urnas após subida do Syriza nas municipais

Gregos vão às urnas após subida do Syriza nas municipais
Tamanho do texto Aa Aa

Quando os gregos forem a votos no próximo domingo – aliás, o voto é obrigatório neste país -, terão bem presente os resultados da primeira ronda das eleições locais que decorreram no passado fim de semana. E nesse escrutínio, foi o Syriza quem levou a melhor nas principais circunscrições, como em Atenas ou na região de Ática.

O líder, Alexis Tsipras, não só encabeça a oposição grega contra a austeridade, como também se apresenta como o candidato da coligação de esquerda à presidência da Comissão Europeia. Nas suas palavras, “uma vitória indiscutível no próximo domingo é a garantia do fim do programa de resgate, da pilhagem, destruição e indignidade a que o país tem sido sujeito.”

Do outro lado da barricada está o primeiro-ministro conservador Antonis Samaras: “Esta é a nossa última oportunidade, ninguém nos vai parar. É essa a escolha dos cidadãos gregos no próximo domingo. Continuar com o crescimento? Ou voltar à crise? Vamos avançar com uma nova Grécia ou regressar às políticas que falharam?”

As sondagens, que dão ao partido neo-nazi Aurora Dourada o quarto lugar nas europeias, geraram controvérsia nas eleições locais, porque as previsões falharam redondamente.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.