Última hora

Ex-prisioneiro de Guantanamo detido em Madrid por recrutar extremistas para o Iraque

Ex-prisioneiro de Guantanamo detido em Madrid por recrutar extremistas para o Iraque
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A polícia espanhola prendeu em Madrid oito pessoas por envolvimento numa rede internacional que recruta guerrilheiros para o movimento terrorista do Estado Islâmico do Iraque e do Levante. A célula espanhola era chefiada por Lahcen Ikasrrien, um marroquino detido no Afeganistão em 2001 e libertado anos depois de ter passado por Guantánamo.

A polícia lançou a operação às 3h30 de Lisboa, no âmbito de uma ação de desmantelamento da rede de recrutamento de voluntários para combater na Síria e no Iraque. Entre os detidos está um cidadão de nacionalidade argentina, vários marroquinos e espanhóis.

Ikasrrien esteve preso primeiro em Kandahar, enviado depois para Guantánamo, onde esteve três anos. Extraditado para España em 2005, esteve em prisão preventiva um ano, e libertado em 2006.

Madrid já expulsou 100 jihadistas desde 2004.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.