Última hora

Última hora

Made in Dagenham leva Gemma Arterton ao palco

Em leitura:

Made in Dagenham leva Gemma Arterton ao palco

Made in Dagenham leva Gemma Arterton ao palco
Tamanho do texto Aa Aa

Gemma Arterton, conhecida pelas suas interpretações em “O Príncipe da Pérsia” ou “Hansel e Gretel: Caçadores de Bruxas”, trocou o cinema pelo palco. A atriz é a intérprete principal numa adaptação do musical Made in Dagenham, que estreia em Londres em outubro. Um desafio para Arterton:

“Por muito que eu tivesse um bom pressentimento, em relação ao espetáculo, eu só pensava que eu não sou uma atriz de teatro musical, não canto – quero dizer, canto no karaoke quando estou muito bêbada – por isso, como vou ser capaz de fazê-lo? E eles disseram-se: fazendo! Então participei em dois workshops e apaixonei-me pelo projeto”.

A peça, baseada no filme de Nigel Cole, de 2010, centra-se numa greve de mulheres, em 1968, contra a discriminação sexual, nas fábricas da Ford:

“Acho que é um daqueles espetáculos que nos move. E isso foi algo que senti ao ver o filme. Deu-me vontade de me levantar, cantar, de agir. Hoje, “estamos autorizados” a transformar esta realidade em teatro musical e espero que isso deixe as pessoas entusiasmadas”, acrescenta a atriz.

Na estreia estiveram algumas das protagonistas deste momento, na vida real. Trabalhadoras que se viraram contra os patrões, contra a comunidade local e contra o governo. Mulheres que ousaram e quebraram barreiras. Gwen Davis é uma dessas mulheres:

“Acho, absolutamente maravilhoso, nunca pensei que a nossa greve despoletasse tudo isto. Quando voltámos ao trabalho, após a greve, toda a gente nos ignorou. Foi como se se tivesse passado apenas mais um dia. O filme colocou, realmente, o foco naquilo que nós fizemos, de outra forma, ninguém se preocuparia connosco. O filme fez com que toda a gente ficasse ciente da nossa luta pelos nossos direitos”.

O musical estará em cena, a partir de 9 de outubro, no Adelphi Theatre de Londres.

Mais sobre le mag