Última hora
This content is not available in your region

Gallopin volta a impor-se no Tour

Gallopin volta a impor-se no Tour
Tamanho do texto Aa Aa

Mais uma vez, foi Tony Gallopin quem subiu ao pódio da Volta à França, numa 11a. etapa marcada pela chegada do calor. Dois dias depois de envergar a camisola amarela, o ciclista francês da Lotto-Belisol levou a melhor numa jornada marcada pelo calvário do americano Andrew Talansky, vencedor do último Critério do Dauphiné. O corredor encontra-se fragilizado por duas quedas no passado fim de semana. Esteve quase a desistir, mas após falar com o seu diretor desportivo acabou por continuar, chegando com meia hora de atraso.

O irlandês Nicolas Roche também deu que falar, mas pelas várias tentativas que protagonizou para se distanciar. No entanto, Gallopin impôs-se pelo conhecimento mais minucioso do percurso entre Besançon e Oyonnax, e iludiu o eslovaco Peter Sagan, arrancando a 2,5 quilómetros da meta. O alemão John Degenkolb e o italiano Matteo Trentin ficaram na segunda e terceira posições. O português Rui Costa perdeu 01.36, descendo para o 14o. lugar da tabela.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.