Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Rússia diz que não acordo de cessar-fogo porque não é parte do conflito

Rússia diz que não acordo de cessar-fogo porque não é parte do conflito
Tamanho do texto Aa Aa

A assessoria de imprensa de Petro Poroshenko anunciou, em comunicado, que os Presidentes da Ucrânia e da Rússia tinham chegado a um acordo, esta quarta-feira, para o cessar-fogo na região de Donbass, no leste da Ucrânia.

Neste documento lê-se que Poroshenko e Putin conversaram, telefonicamente, e que “alcançaram, mutuamente, um entendimento em relação às medidas que permitirão o estabelecimento da paz”.

Apesar desta informação, um porta-voz do Chefe de Estado russo garantiu que, embora tenham sido acordados passos para a paz, não foi alcançado nenhum acordo de cessar-fogo porque a Rússia não é uma das partes do conflito na Ucrânia.

As forças de Kiev têm lutado contra os separatistas pró-russos na região de Donbass, Moscovo é acusado por Kiev e pela comunidade internacional de ter vindo a apoiar, com efetivos e armamento, estes rebeldes.